quinta-feira, 17 de outubro de 2013


MEU PORTO SEGURO

Sopra um vento com furor
Sendo, eu, uma borboleta
Seguro-me na pétala da flor
Sempre bem grata à violeta.

Vannessa Adriana Butterfly